Dr. Thiago Silveira Pereira

Dr. Thiago Silveira Pereira

Dr. Thiago Silveira Pereira

Medicina integral CRM/SC 15.061

Formação

Em 2008 graduou-se em Medicina pela Universidade Federal de Santa Catarina;

Em 2009 serviu às Forças Armadas como Tenente Médico na Força Aérea Brasileira;

Especializou-se em Oftalmologia em 2013 no Hospital Regional de são José e em 2014 fez Fellowship em Cirurgia Refrativa no Hospital de Olhos do Paraná;

Em 2016 descobriu o Coaching Integral Sistêmico, onde mudou a forma de perceber o mundo e passou a enxergar a medicina de uma forma mais integrativa. Formou-se em Master Coaching Integral Sistêmico pela Febracis e Flórida Christian University em 2017.

Ainda em 2017 fez uma Formação Internacional em Health and Wellness Coaching pela Carevolution e Wellcoaches. Desenvolveu suas habilidades para ajudar os pacientes a melhorarem seu estilo de vida e terem uma vida mais feliz e saudável;

Realizou o Curso de Medicina Vanguarda com o Dr. Victor Sorrentino e Márcio Tannure (médico do Flamengo);

Realizou o Curso Introdução à Medicina Funcional e Introdução à Nutrição Funcional pelo The Institute for Functional Medicine (IFM); além dos cursos do Kresser Institute e Lifestyle Prescriptions University (EUA);

Realizou pela Harvard Medical School o curso Lifestyle Medicine: Nutrição e Síndrome Metabólica;

Pós-graduou-se em Bases da Saúde Integrativa e Bem-Estar pelo Instituto de Ensino e Pesquisa Albert Einstein;

E ainda o Curso Anual Prático Ambulatorial de Medicina Funcional e Prática Ortomolecular com o Dr. Artur Lemos (referência nacional na área) no Rio de Janeiro.

Práticas e técnicas

A abordagem integrativa pode ajudar o paciente não só a melhorar os seus sintomas, mas a encontrar e tratar a raiz do problema, colaborando diretamente na prevenção de doenças. Através da detecção e a correção precoce das deficiências metabólicas, de forma personalizada, com o ajuste do estilo de vida (alimentação, exercícios, sono e equilíbrio emocional), utilizando tratamentos naturais como fitoterápicos e práticas complementares (yoga, meditação, acupuntura, etc.), otimização hormonal, nutracêuticos (vitaminas, minerais, antioxidantes) e também através de medicamentos da medicina convencional, pode proporcionar excelentes resultados. Sempre levando em conta a individualidade, preferência e prioridade de cada paciente.